Image Image Image Image Image
Scroll to Top

Para o Topo.EPara o Topo

Arquivos patrimonio cultural - IberCultura Viva

16

fev
2022

Em Notícias

Por IberCultura

Secretaria da Cultura do México lança edital do Programa de Ações Culturais Multilíngues e Comunitárias 2022

Em 16, fev 2022 | Em Notícias | Por IberCultura

A Secretaria de Cultura do México, por meio da Direção Geral de Culturas Populares, Indígenas e Urbanas, lançou nesta segunda-feira, 14 de fevereiro, a edição 2022 do Programa de Ações Culturais Multilíngues e Comunitárias (PACMyC). As inscrições estarão abertas até 15 de abril.

A iniciativa é destinada a grupos informais de indígenas, afrodescendentes, grupos vulneráveis ​​ou mestiços organizados em coletivos, irmandades, conselhos de anciãos, grêmios de criadores e/ou criadores interessados ​​em receber apoio financeiro para desenvolver uma intervenção ou projeto cultural que promova a salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial. Os grupos devem ser formados por um mínimo de cinco pessoas maiores de 18 anos, moradores da comunidade na qual desejam incidir.

Serão concedidos até 40 mil pesos mexicanos para cada uma das intervenções culturais comunitárias selecionadas e até 100 mil pesos para cada um dos projetos culturais comunitários. As intervenções ou projetos devem ser orientados para o desenvolvimento da diversidade cultural, por meio da promoção de atividades culturais locais, criatividade, autogestão e processos de pesquisa.  

As propostas podem estar relacionadas a uma das seguintes áreas: a) Cosmovisões, b) Práticas Comunitárias, c) Artes Populares, d) Culturas Alimentares, e) Tecnologias Tradicionais, f) Pedagogias Comunitárias, g) Proteção de Direitos Coletivos.

O PACMyC opera de forma descentralizada. Cada ente federado possui uma Comissão de Planejamento e Apoio à Criação Popular (Cacrep), formada por representantes de autoridades culturais locais e federais e pessoas da sociedade civil, acadêmicos, promotores independentes, criadores, com a finalidade de obter um melhor desenvolvimento desta convocatória.

.

Confira o regulamento: https://bit.ly/3BspDkw

.

(Fonte: Secretaria de Cultura do México)

Tags | , , ,

24

ago
2020

Em EDITAIS
Notícias

Por IberCultura

4º Encontro de Redes: inscrições abertas para o seminário sobre Patrimônio Cultural Imaterial

Em 24, ago 2020 | Em EDITAIS, Notícias | Por IberCultura

De 16 de setembro a 14 de outubro, durante o 4º Encontro de Redes IberCultura Viva – Edição Especial, será realizado o seminário virtual “Introdução ao Patrimônio Cultural Imaterial”, organizado pelo Centro Regional para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial da América Latina (CRESPIAL) em colaboração com o programa. 

As pessoas interessadas em assistir ao seminário poderão inscrever-se a partir desta segunda-feira 24 de agosto na plataforma Mapa IberCultura Viva. Poderão participar pessoas dos países membros de CRESPIAL e IberCultura Viva, num total de 17 países (*). O número de participantes por país será de sete pessoas, somando ao todo 119. As inscrições estarão abertas até 4 de setembro. 

Os participantes podem ser tanto funcionários/as públicos/as dos países indicados como membros da sociedade civil interessados no Patrimônio Cultural Imaterial (PCI). Além de repartidas equitativamente entre os países participantes, as vagas devem ser divididas entre pessoas vinculadas a organizações culturais comunitárias e pessoas vinculadas a governos locais. Para participar, é necessário ter conhecimento básico em Patrimônio Cultural Imaterial (noções gerais) e manejar bem o espanhol. (A ferramenta que será usada é o Moodle, que se encontra em https://formar.cultura.gob.ar/)

Os módulos

O seminário será realizado de maneira virtual e gratuita durante cinco semanas através da plataforma Moodle, que se encontra em https://formar.cultura.gob.ar/. As sessões serão em espanhol, às quartas-feiras, a partir das 11:00 no horário do Peru (13:00 de Argentina e Brasil, 18:00 da Espanha). Este encontro sincrônico uma vez por semana terá duas horas de duração e um trabalho de fórum de debate e reflexão, com tutores. Será mantido um fórum aberto continuamente durante a formação, incentivando o debate e a reflexão a partir dos encontros com os docentes. 

O primeiro módulo, a cargo de Miguel Hernández Macedo (Peru), contará com uma introdução, alguns conceitos-chave sobre Patrimônio Cultural Imaterial (PCI), e uma apresentação da Convenção para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial da UNESCO. Os módulos seguintes abordarão as temáticas “Políticas públicas para a gestão e salvaguarda do PCI” (a cargo de Luisa Sánchez, Colômbia); “Participação comunitária no âmbito da salvaguarda do PCI” (Adriana Molano Arenas, diretora geral do CRESPIAL), e “Medidas e ferramentas de salvaguarda do PCI” (Lucas dos Santos Roque, Brasil). A quinta sessão, em 14 de outubro, será para as conclusões e a avaliação das sessões anteriores. 

O seminário faz parte do Programa de Fortalecimento de Capacidades do CRESPIAL, que  busca fortalecer as capacidades humanas e institucionais de gestores públicos, comunidades portadoras, ONGs, entre outros atores vinculados à gestão e salvaguarda do patrimônio cultural imaterial, através da cooperação regional e promovendo a participação comunitária como condição para a salvaguarda e a governança cultural.

 

Sobre o Crespial

O CRESPIAL tem como missão apoiar as atividades de salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial dos países da América Latina, de acordo com o espírito da Convenção para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial da UNESCO (Convenção de 2003). O Centro vem implementando iniciativas voltadas para fomentar o fortalecimento de capacidades nacionais. Entre elas, atividades de assessoria, capacitação, formação e desenvolvimento de materiais, com o objetivo de fortalecer as capacidades tanto dos representantes dos países membros do Centro como das instituições aliadas e das mesmas comunidades encarregadas de velar pelo Patrimônio Cultural Imaterial. 

Sobre a plataforma

Para inscrever-se neste seminário virtual é necessário registrar-se primeiro como agente cultural no Mapa IberCultura Viva. Esta plataforma livre, gratuita e colaborativa permite o registro de dois tipos de agentes: individual e coletivo. Por agentes individuais compreendemos as pessoas físicas, e por agentes coletivos, as organizações culturais comunitárias, entidades, povos originários, coletivos, agrupações e instituições. No caso desta convocatória, é obrigatório registrar o perfil de agente individual (a pessoa física que será responsável pela inscrição). 

Uma vez concluído o perfil de agente, deve-se clicar em “Editais” (na parte superior da tela) e buscar o arquivo que aparece com o título do seminário para iniciar a inscrição. Aqui está um guia sobre o registro de agente na plataforma: https://bit.ly/3hvGtnF

 

(*) Países participantes: Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Cuba, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Espanha, Guatemala, México, República Dominicana, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

 

 

 

Quem são os facilitadores 

 

Adriana Molano Arenas (Colombia) – Diretora geral do CRESPIAL

Antropóloga com especialização em Políticas Culturais e Gestão de Artes, com experiência de trabalho na elaboração e implementação de políticas públicas participativas em temas culturais. Também dirige projetos de fortalecimento do tecido social desde a perspectiva patrimonial no âmbito do desenvolvimento sustentável com comunidades afro, indígenas e camponesas. Coordenou o grupo de patrimônio cultural imaterial da Direção de Patrimônio do Ministério de Cultura da Colômbia de 2008 a 2015. Tem desenvolvido consultorias para a UNESCO e é especialista da Estratégia Global de Fortalecimento das Capacidades Nacionais para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial na América Latina e no Caribe.

 

Miguel Ángel Hernández Macedo (Peru) 

Antropólogo com estudos de pós-graduação em Gerência Social. Especialista em patrimônio cultural imaterial com 12 anos de experiência no Ministério de Cultura do Peru, como coordenador principal na elaboração de expedientes técnicos para a inscrição de elementos do patrimônio cultural imaterial na Lista Representativa do Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade da UNESCO. Conta com diversas publicações sobre expressões culturais peruanas, incluindo os livros “Cozinha e Identidade: a Culinária Peruana como Patrimônio Cultural Imaterial” e “El Q’eswachaka de Canas. Engenharia e tradição nas comunidades de Quehue”. Tem sido facilitador de oficinas e cursos sobre Patrimônio Cultural Imaterial no Peru e na América Latina e representante peruano ante organismos internacionais relacionados ao patrimônio vivo.

 

 

Luisa Sánchez (Colômbia) 

Antropóloga. Mestre em Antropologia Social e doutora em Sociologia pelo Instituto de Altos Estudos da América Latina IHEAL-Paris 3. Atualmente é professora, pesquisadora e diretora do Departamento de Antropologia da Pontificia Universidad Javeriana de Bogotá. Tem se concentrado na pesquisa das dinâmicas históricas, políticas e populacionais das regiões da Amazônia e a Orinoquia colombianas, com ênfase em processos migratórios para contextos urbanos. Foi assessora do Grupo de Patrimônio Cultural Imaterial no Ministério de Cultura da Colômbia. Ali trabalhou as linhas de Memória e Patrimônio, Pesquisa e Inventários. Nos últimos anos tem se especializado na análise comparada e na avaliação de políticas culturais, participando como consultora internacional em vários trabalhos do CRESPIAL, em cujo site pode-se consultar sua última publicação, “Miradas al PCI de América Latina, avances y perspectivas“.

 

 

Lucas dos Santos Roque (Brasil) 

Antropólogo. Mestre em Ciências Sociais com especialização em Patrimônio Imaterial e Comunidades Deslocadas de maneira compulsória. Tem 20 anos de experiência como técnico e coordenador na elaboração de pesquisas e trabalhos na área ambiental e cultural. Coordenou e executou diversos diagnósticos participativos e planos participativos de desenvolvimento comunitário, e também inventários de Patrimônio Cultural Imaterial (PCI). Na Estratégia Global de Fortalecimento de Capacidades da UNESCO, tem facilitado várias oficinas para a implantação das políticas de salvaguarda do PCI e outros temas relacionados. No CRESPIAL, lidera a elaboração do Plano de Diálogo e Fortalecimento de Capacidades da instituição, assim como a coordenação da elaboração dos materiais pedagógicos previstos neste Programa. 

 

Confira o regulamentohttps://bit.ly/2CU2oWw

Inscrições: https://mapa.iberculturaviva.org/oportunidade/146/

Consultas: programa@iberculturaviva.org  

 

Leia também:

Como inscrever-se no Seminário virtual “Introdução ao Patrimônio Cultural Imaterial” 

Tags | , , , , ,